Blog

Unidade Osasco

Competição incentiva o trabalho em equipe, a empatia e a liderança

Mais do que uma competição com atividades desportivas, a “Leonardas” do Colégio Anglo Leonardo da Vinci envolveu os alunos em outros jogos de raciocínio matemático e soletrando, por exemplo. Os professores ressaltaram a importância do trabalho em equipe, da empatia e do respeito ao próximo. A edição 2021 aconteceu em novo formato nas unidades Alphaville, Granja Viana e Osasco em setembro.

Com a necessidade do distanciamento social, neste ano, não foi possível mesclar as turmas como acontecia tradicionalmente. Nem por isso os estudantes do Fundamental 1 deixaram de vivenciar a experiência de compartilhar e contribuir uns com os outros.

Eles foram divididos em equipes do 1º, 2º e 3º anos e do 4º e 5º anos. Mesmo sem contato fisicamente durante os jogos nas aulas de Educação Física, uma turma cooperou com a outra: na escolha dos nomes, na votação dos desenhos das camisetas, criação do “grito de guerra” e, principalmente, na soma dos pontos.

Pode até parecer uma ação simples, mas é neste momento que cada aluno já começa a praticar a responsabilidade e a liderança, duas habilidades desenvolvidas durante a jornada no programa O Líder em Mim.

“Usando a tempestade de ideias, diagrama de lótus e delta plus, os grupos sentavam em roda e conversavam sobre o que tinha dado certo e errado no dia. Assim, traçavam mudanças para prosseguir. Sem dúvida, um momento que mostra o nosso foco no desenvolvimento das habilidades socioemocionais e que provocou muitos aprendizados”, ressalta Alexandra, coordenadora da unidade Alphaville.

Segundo a coordenadora Rosana Mancini, da unidade Osasco, a Leonardas é uma tradição no colégio por agregar conhecimento e união. “Os alunos se tornam mais amigos, mais integrados, mais respeitosos e compreensivos. Com a retomada do ensino presencial, foi um tempo fundamental de integração entre todos. Eles se exercitaram, correram, pularam, sorriram. Que alegria viver isso novamente!”, conta.

Diferente do que acontece em competições tradicionais, nas quais apenas alguns são premiados, todos os alunos ganharam medalhas e certificados pela sua participação e destaque em determinadas áreas. A alegria foi contagiante durante o período todo e o encerramento aconteceu em clima de agradecimentos e amizade.

“Foi esperançoso ver as crianças reunidas novamente. Vivenciar a Leonardas agora foi essencial para retomar as relações e lembra-los de que a empatia garante um ambiente saudável. Algumas palavras definem o nosso evento: dividir, compartilhar e reconhecer”, finaliza a coordenadora Cris, da unidade Granja Viana.