Projeto do Dia da gentileza envolve turmas de forma especial

Os alunos do 3º ano, do Colégio Anglo Leonardo da Vinci unidade Osasco, aproveitaram a celebração do Dia da Gentileza, lembrado no mês de novembro, para colocar a empatia e a solidariedade em prática mais uma vez. Com muita sensibilidade, eles escreveram cartas a estudantes do Amapá. O estado sofreu com diversos prejuízos causados pelo apagão recentemente.

Os estudantes haviam lido uma reportagem sobre a falta de energia elétrica no Amapá na Revista Qualé, edição 20, e foram profundamente impactados com os relatos da tragédia na região. Após se sensibilizarem com os depoimentos das crianças amapaenses de como é a vida sem energia elétrica, resolveram escrever cartas para dar apoio e mostrar solidariedade em um momento tão difícil para elas.

A professora Tati aproveitou, então, para compartilhar informações sobre o Amapá antes de dar início às produções. O grupo descobriu as características principais desse estado localizado no Norte do Brasil e seus principais pontos turísticos, como a Pedra do Guindaste, Fortaleza de São José de Macapá e o Trapiche.

“O que mais encantou os alunos foi saber que a capital do Amapá, Macapá, passa a linha imaginária do Equador e, por isso, o local é conhecido como a cidade do meio do mundo. Depois, eles viram o funcionamento das Usinas hidrelétricas”, conta a professora.

Com todo esse conhecimento, o 3º ano já estava preparado para escrever as cartas. A turma sabia qual a estrutura desse gênero textual, pois estudaram esse conteúdo na apostila do 4º bimestre.

Com as cartas prontas, os estudantes fizeram a revisão corrigindo ortografia e pontuação individualmente. A postagem foi realizada no dia 15 de dezembro e, agora, todos aguardam receber respostas dos colegas amapaenses com muita expectativa.

“Eu tive a sensação de que estava ajudando alguém mesmo sem conhecer a tal pessoa para quem estava escrevendo. Eu pensei que, quando a carta estivesse pronta e se chegasse no Amapá, eu iria me sentir bem. Me senti mesmo!”, relata a aluna Manuela de Oliveira.

O aluno Breno Kawazoe acrescenta que “foi importante escrever a carta para dar apoio às crianças do Amapá. “Foi muito emocionante ter essa oportunidade de escrever uma carta, além de ter sido divertido”, ressalta Enzo Lourenço.

Confira outros depoimentos dos nossos alunos:

 

“Foi bem divertido, porque eu nunca escrevi uma carta para mandar para outra pessoa. Eu gostei muito da carta que eu escrevi”, CAROLINE EMI UENO

 

“Foi bom, me senti fazendo o bem”, ENZO DUARTE CASTANHEIRA ALVES

 

“Fiquei muito feliz em mandar uma carta para o Amapá para ajudar e consolar as crianças” HENRRY PETTERSON SANTOS

 

“Foi uma experiência nova”, JOÃO HENRIQUE BUARQUE TOLEDO DE CASTRO

 

“Eu me senti muito feliz de escrever a carta para o Amapá e também achei muito interessante”, LUCAS DE SOUZA BORDAN

 

“Foi maravilhoso escrever a carta. Eu gostei de conhecer o que tem no Amapá”, MURILO SOUZA SILVEIRA

 

“Foi incrível estudar sobre o estado do Amapá e escrever as cartas para as crianças. Tomara que elas se tornem nossas amigas”, MIGUEL ZARA

 

“Foi muito bom. Fiquei emocionado porque são de outro estado”, GABRIEL ANTONIO BACHEGA RODRIGUES

 

“Foi muito bacana fazer e escrever a carta para as crianças do Amapá”, DIEGO ROLIM SQUILANTE

 

“Eu amei escrever a carta. Foi bem bacana mandar a minha primeira carta”,MATHEUS FARIA